Dia do Hambúrguer celebra uma das iguarias mais versáteis da gastronomia mundial

Houve um tempo em que comer hambúrguer era saída certa da dieta, lanche considerado guloseima e permitido apenas nos finais de semana ou situações ocasionais. Mas o hambúrguer vem ganhando charme, perdendo calorias e agregando em suas receitas um modo de preparar diversificado, com ingredientes saudáveis e especiarias.

Comemorado neste dia 28 de maio, o Dia do Hambúrguer é uma homenagem merecida a esta que é uma das iguarias mais versáteis da gastronomia mundial. Com uma história que sinaliza o seu surgimento em meados do século XIX, em Hamburgo, na Alemanha, a receita nasceu como um bolinho de carne com temperos, evoluiu, ganhou a companhia inseparável do pão, acompanhamentos e diferentes adaptações em cada região do mundo.

O hambúrguer ainda é fonte de renda para muitos empreendedores que o fabricam de forma artesanal, com carne moída, temperos e também para quem prefere comprar em supermercados, atacarejos para produção de lanches vendidos em trailers, carrinhos, etc. No Distrito Federal vender lanche na rua, ou em pequenos estabelecimentos tornou-se fonte ou complemento de renda para muitas famílias.

O preparador de lanches Ravi Aditi, há 18 anos trabalhando com hambúrguer caseiro em seu trailer, separou algumas dicas para o preparo de um hambúrguer inesquecível. “Sempre escolha uma carne fresca, de boa qualidade. Uma combinação de cortes de músculo, acém e contrafilé também vai bem”, indica. Ravi conta ainda que se você tiver uma grelha de churrasco em casa, use uma frigideira para os hambúrgueres e em seguida cozinhe-os na grelha. “Mas não precisa ficar mexendo muito, senão ele perderá muito suco”, alerta.

Ravi é indiano e veio para o Brasil com seu irmão em busca de oportunidade. E foi em Ceilândia no Distrito Federal que encontrou espaço para exercitar seu talento em cozinhar e cativar pessoas. “Depois de pronto, o hambúrguer deve ser servido com um pão macio. Quando meu cliente morde o pão, ele tem uma experiência nobre com sabor, consistência e maciez. Esse é o hambúrguer perfeito”, comenta. Para não deixar ninguém passar vontade, Ravi compartilha a sua receita mais simples de hambúrguer. Ele indica comprar os ingredientes frescos, de preferência em atacarejos, que oferece preços mais acessíveis.

Como fazer hambúrguer em casa

Separe 500 gramas de carne moída (pode ser misturada, acém, músculo, patinho). Depois de picar a cebola e o alho em finos e pequenos pedacinhos, deve-se misturar a carne em uma tigela, de vidro ou plástico, junto da cebola picada e os dentes de alho. Esse processo deve ser efetuado com as mãos, no sentido de moldar a carne. Depois de bem misturado, pode-se temperar com sal e pimenta do reino, para realizar nova mistura.

Deixe descansar por cinco minutos. O passo seguinte é modelar essa mistura no formato do famoso bife de hambúrguer. “Eu faço pequenas bolinhas, amasso e faço a moldagem com o fundo do copo”, explica Ravi. Para quem desejar guardar alguns para outro dia, é necessário congelar, embalando cada um com filme plástico. Ao retirar do freezer, leve-o direto ao fogo da frigideira. Na hora de montar, a ordem é clássica. “Abro o pão, coloco a maionese, a alface, o tomate, a cebola roxa, e finalizo com o queijo. Os especiais eu não conto o segredo’, finaliza Ravi.

Onde encontrar – No Distrito Federal as três lojas do Fort Atacadista estão abastecidas com itens de mercearia, bebidas, doces, frutas e verduras fresquinhas, assim como produtos de limpeza e higiene. Na unidade do Sol Nascente o consumidor encontra o Açougue Carne Fresca, com opções de cortes de carnes fracionadas e em bandejas, em um expositor moderno e diferenciado. Em breve, a loja de Ceilândia também irá disponibilizar esta modalidade de compra. Os transformadores, como dogueiros, boleiras, donos de carrinhos de lanche podem contar também com o Televendas, em que se pode comprar pelo telefone, com acesso a preços exclusivos e separação de mercadorias antecipada. Somente hoje, 28 de maio, os clientes do Fort levam o hambúrguer Texas Burguer (56 g), por R$ 0,99, o pão de hambúrguer Levz (250g) por R$ 2,99, a caixa de hambúrguer bovino Seara (672g) sai por R$ 13,99 e a caixa do hambúrguer Seara Texas (672g) por R$ 12,99. As lojas do Fort Atacadista ficam em Ceilândia, Sol Nascente e Taguatinga e ficam abertas até às 22 horas.

Postar um comentário

0 Comentários