Pulverização eletrostática é a nova aliada no processo de sanitização do HRF



Os hospitais em todo país estão adotando tecnologias de ponta para destruição de microrganismos, levando à descontaminação de seus ambientes. Com o Hospital Regional de Formosa não poderia ser diferente visto que, recentemente, conquistou a certificação de utilização de desinfecção hospitalar de última geração.


A unidade utilizará a pulverização eletrostática com um produto altamente ecológico e que promete eliminar 99,9% de bactérias, vírus, mofos e fungos no ambiente hospitalar. A mesma tecnologia está sendo utilizada em hotéis, restaurantes e navios de cruzeiro. Recentemente, foi utilizada também na abertura do Parque do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro.

No processo de pulverização eletrostática, o magnetismo das moléculas acontece de forma imediata, mesmo que a borrifação não seja direcionada para todas as áreas do cômodo hospitalar. Com isso, todas as superfícies recebem a desinfecção, diferentemente da vaporização convencional que se dissipa pelo ar.

Os rígidos protocolos de limpeza e sanitização continuam mantidos no HRF. A escolha feita pelo produto pulverizador Desinfec Vital ocorreu por não causar nenhuma irritação respiratória. Além disso, ele não possui em sua composição substâncias perigosas para o ambiente.
“A aplicação feita por meio da pulverização eletrostática veio para somar. A certeza que temos é que ela agrega muito na segurança dos pacientes e colaboradores dentro do hospital”, explica a diretora da unidade, Vânia Gomes Fernandes.

O processo de desinfecção será realizado periodicamente nas dependências do hospital.

Postar um comentário

0 Comentários