Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

SOS DF chega aos hospitais regionais

17/02/2019

/ por Paulo Melo
Objetivo da ação é recolher entulhos para limpar áreas externas das unidades. Nos próximos dias, equipamentos obsoletos e sem uso também serão retirados para reciclagem

O Hospital Regional de Taguatinga e o HRAN começaram nesta sexta (15) a receber as ações de limpeza do SOS DF. Pela primeira vez, uma operação específica de recolhimento de entulho em unidades de saúde está sendo realizada pelo SLU. “É determinação do governador darmos esse apoio em toda a rede de saúde”, explicou o diretor-presidente do SLU, Félix Palazzo.

Hoje, foram recolhidos restos de podas e madeiras em decomposição que encheram três caminhões. O material segue com destino à Unidade de Recebimento de Entulho (URE) da Estrutural. “Todo esse material será levado para ser aterrado da maneira correta e sem prejuízos para a população. Da forma que estão aqui vira até foco de dengue”, avalia um dos gerentes operacionais do SLU, João Eudes.

Segundo João Eudes, o trabalho será feito em pelo menos duas etapas. A primeira de retirada de materiais em decomposição; e a segunda, será feita por cooperativas de reciclagem de materiais como aço e ferro. “Hoje recolhemos apenas esses pedaços de madeiras e papelões em decomposição. Na próxima etapa, serão recolhidos esses resíduos mais pesados”, explicou Eudes.

A diretora de Patrimônio e Catálogo do HRT, Mariana Ferreira, acompanhou os trabalhos do SLU. “Ficamos felizes porque desocupamos espaços. Isto é importante para todos porque teremos mais espaço limpo e organizado”, avaliou a servidora. Segundo ela, a unidade já pode dispensar 160 equipamentos, que estão obsoletos e sem possibilidade de manutenção ou conserto. “São armações de macas, cadeiras, armários, equipamentos que não têm o que ser feito para recuperar. Só estão entulhando aqui”, explica.

Há previsão de que as ações do SLU sejam levadas também para os hospitais regionais de Ceilândia, Samambaia e Gama ainda na segunda-feira. Outras unidades de saúde receberão o SOS DF ao longo da próxima semana.

SLU no SOS DF

A participação do SLU no SOS DF tem como objetivo promover a limpeza das regiões administrativas e outros pontos da capital. Entre as ações estão remoção manual e mecanizada de entulho, frisagem, varrição, catação de lixo e pintura de meio-fio.

Segundo balanço de janeiro, o órgão fez a remoção de 19.887 toneladas de entulho de forma mecanizada, além de outras 399 toneladas recolhidas manualmente. Também registrou 7.840 quilômetros de serviço de varrição, número equivalente a 560 vezes a extensão do Eixão. O serviço de catação de papéis contou com a atuação de 178 equipes, e a prestação de serviços diversos, incluindo a pintura de meio-fio, com 47 equipes.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós