Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

Délio Lins e Silva Júnior toma posse e promete modernizar a OAB-DF

02/01/2019

/ por Paulo Melo
Novo gestor da entidade participou de solenidade nesta terça (1°/1) e disse que pretende manter uma relação “boa e institucional” com o GDF

O novo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional do Distrito Federal (OAB-DF), Délio Lins e Silva Júnior, tomou posse na tarde desta terça-feira (1°/1), na sede da entidade, na W3 Norte. Com o auditório lotado, Lins foi recebido sob aplausos e gritos do nome dele.

“Agora vamos colocar em prática tudo que prometemos durante a campanha. Vamos modernizar a casa, continuar o trabalho de informatização dos processos, trabalhar em um portal de transparência e projetos para advogados iniciantes”, disse.

Antes de discursar, Délio quebrou o protocolo e passou a palavra, primeiramente, para a vice-presidente, Cristiane Damasceno, que fez agradecimentos.

Sobre a relação com o governador Ibaneis Rocha (MDB), o presidente da OAB-DF disse que pretende manter uma relação “boa e institucional”. “Vamos nos encontrar para conversarmos, talvez na próxima semana. Nossa relação será normal, como qualquer governador que tivesse sido empossado. Os grupos políticos da OAB estão totalmente apagados, [isso] não existe mais. Eu tenho que me preocupar com a advocacia, e ele, com o governo, mas podemos nos ajudar”, comentou.

Durante o discurso, o presidente da OAB-DF agradeceu tanto ao ex-presidente Juliano Costa Couto, pela “transição democrática”, quanto às autoridades presentes, familiares e amigos. Ele também se emocionou ao falar do filho e reforçou que pretende gerir uma entidade que defenda a sociedade e a advocacia com independência.

Délio destacou ainda que a Ordem dos Advogados está pronta para liderar lutas legítimas e evitar qualquer abuso. “A advocacia não é profissão para covardes. Antes mesmo de assumirmos, já fixamos a menor anuidade do país para a advocacia iniciante. Vamos lançar um olhar construtivo para o futuro. A eleição passou. Vamos deixar de lado as disputas ideológicas e lutemos todos juntos. Com todo respeito às últimas gestões, mas vamos lutar para ser uma gestão que a OAB-DF jamais viu.”

Ex-presidente
O antecessor, Juliano Costa Couto, foi breve na abertura da solenidade. Desejou um feliz ano-novo e muitos honorários para os advogados em 2019. Leu o termo de posse segurando o ombro de Délio Lins e Silva Júnior. “Acreditamos no trabalho que será desenvolvido por você, com amor e inteligência que lhe é peculiar pela advocacia e pela Ordem”, disse.

Na hora do discurso, cumprimentou a próxima gestão da entidade e emocionou-se ao agradecer à esposa e à família. “Me orgulho de ter participado da gestão do governador Ibaneis Rocha e espero que ele faça por Brasília o que ele fez pela Ordem”, afirmou.

Segundo Costa Couto, sua gestão foi inteligente e consciente. “Fiscalizamos as obras, como a da queda do Eixão e o Hospital da Criança”, lembrou.

Outros nomes 
A diretoria que fará parte da entidade é formada: pela vice-presidente, Cristiane Damasceno; pelo diretor-tesoureiro, Paulo Maurício Braz Siqueira; pelo secretário-geral, Marcio de Souza Oliveira; e pela secretária-geral adjunta, Andrea Saboia Fonseca.

O escolhido para representar o governador Ibaneis Rocha foi o controlador-geral do DF, Aldemario Araújo. O emedebista estava na cerimônia de posse do presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), e não participou da solenidade na OAB-DF. O ex-deputado distrital e futuro presidente da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do DF (Adasa), Raimundo Ribeiro (MDB), também estava presente no evento, como convidado.

Na ocasião, também foram empossados os novos conselheiros seccionais, a diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados (CAA-DF) e as diretorias das 11 subseções que compõem o DF, sob a presidência de José Severino Dias (Brazlândia), Leonardo Alves Rabelo (Ceilândia), Amaury Santos de Andrade (Gama), Rodrigo Bezerra Correia (Núcleo Bandeirante), Paulo Alexandre da Silva (Paranoá), Dalton Ribeiro Neves (Planaltina), Joana D’arc de Jesus Soares dos Santos (Samambaia), Márcio Eduardo Caixeta Borges (Sobradinho), Cleider Rodrigues Fernandes (Taguatinga), Flavia Marcelle Rodrigues Pena (Guará) e Valcides José Rodrigues de Sousa (São Sebastião).

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós