Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

Cidades Limpas inicia remoção de veículos abandonados em Taguatinga

19/06/2017

/ por Paulo Melo
Ação nesta segunda-feira (19) ocorreu no Setor de Oficinas Sul, onde 49 sucatas foram mapeadas e notificadas

Teve início nesta segunda-feira (19), pelo Setor de Oficinas Sul, a ação de retirada de carcaças de carros abandonados em vias públicas de Taguatinga. Foto: Dênio Simões.

Teve início nesta segunda-feira (19), pelo Setor de Oficinas Sul, a ação de retirada de carcaças de carros abandonados em vias públicas de Taguatinga. No setor por onde os trabalhos começaram na manhã de hoje, foram mapeados e notificados 49 veículos nessas condições.

O começo da ação foi acompanhado pelo secretário das Cidades, Marcos Dantas, que alertou para o fato de que as carcaças podem servir como criadouros do mosquito Aedes aegypti.

“Com essa ação, contribuímos significativamente para diminuir os índices da dengue, do zika vírus e da chikungunya, e ajudamos a promover a saúde pública da nossa cidade”, disse Dantas. Hoje pela manhã, a área também recebeu trabalhos de capina, de recolhimento de entulho e de tapa-buracos.

Quem também estava atento ao trabalho de retirada era o prefeito comunitário do Setor de Oficinas Sul, Iraci Pereira César, de 60 anos. Morador do local desde 1991, ele ressaltou que essa é uma demanda antiga dos que ali residem.

Além da saúde, César, como é conhecido, apontou outra questão: a segurança. “Essas carcaças servem de esconderijo para pessoas mal-intencionadas.”

Estão programadas ainda para os próximos dias retiradas no Setor H Norte, onde 43 sucatas já foram mapeadas e notificadas, e no Setor de Desenvolvimento Econômico do Setor M Norte, em que as equipes fazem as notificações necessárias.
As sucatas recolhidas serão armazenadas no pátio de obras da Administração de Taguatinga, na Área Especial da Quadra QNE 16

A Secretaria das Cidades é responsável pelo serviço, em parceria com a Administração Regional de Taguatinga, o Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF) e a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap).

As sucatas recolhidas serão armazenadas no pátio de obras da Administração de Taguatinga, na Área Especial da Quadra QNE 16. Os proprietários que quiserem reavê-las precisam regularizar a documentação dos veículos.

Em ações anteriores, em outras regiões administrativas, o Cidades Limpas já retirou das ruas 71 carcaças de carros abandonados.
Mais de 4,5 mil imóveis vistoriados em busca de focos do Aedes aegypti

De acordo com balanço preliminar da Secretaria das Cidades, que coordena as atividades do Cidades Limpas, desde o início das ações em Taguatinga, em 5 de junho, até a última quinta-feira (15), foram vistoriados 4.773 imóveis em busca de focos do mosquito Aedes aegypti.

Além disso, já foram pintados 16 mil metros quadrados de meios-fios e 1.338 sinalizações verticais de vias e quebra-molas. Foram revitalizadas 70 faixas de pedestres, removidas mais de 5 mil toneladas de entulho e feitas cerca de 3 mil podas de árvores. Em parceria com um shopping da região, também foi revitalizada a Praça do Coreto, na QNA 14.
A força-tarefa promove serviços de conservação, limpeza e revitalização, que foram indicados pela Administração Regional de Taguatinga com base em demandas encaminhadas pelos moradores. Foto: Dênio Simões.

O mutirão do governo de Brasília em Taguatinga segue até sexta-feira (23). A força-tarefa promove serviços de conservação, limpeza e revitalização, que foram indicados pela administração regional com base em demandas encaminhadas pelos moradores.

Lançado em novembro do ano passado, o programa Cidades Limpas já passou pelas seguintes regiões: Gama, Itapoã, Paranoá, Estrutural, Planaltina, São Sebastião, Brazlândia (duas vezes), Ceilândia (duas vezes), Guará, Sobradinho, Sobradinho II, Fercal, Vila Planalto e Samambaia.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós