Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

Acusado de homicídio qualificado vai a júri popular em Brazlândia

14/03/2017

/ por Paulo Melo
O crime ocorreu em 15 de novembro de 2015, durante uma festa em via pública, colocando em perigo diversas pessoas
Resultado de imagem para BRIGA DE GANGUES BRAZLÂNDIANesta quarta-feira, 15 de março, irá a júri popular Daniel Almeida de Queiroz, acusado de matar Alessandro da Silva Pereira em Brazlândia. O réu teria disparado pelo menos nove vezes contra a vítima, em razão de briga de gangues de quadras rivais. Ele responderá por homicídio quadruplamente qualificado e porte ilegal de arma de fogo. O julgamento terá início às 9h no Fórum da cidade.

De acordo com a denúncia, o crime foi cometido por motivo torpe, em razão de guerra de gangues. Também foi utilizado recurso que dificultou a defesa da vítima, que foi pega de surpresa; além de meio cruel, uma vez que a vítima foi atingida por vários disparos, sendo quatro tiros à curta distância e, pelo menos um, quando já estava caído no chão, revelando brutalidade. A qualificadora do perigo comum também foi incluída, uma vez que os disparos foram efetuados em local público, onde se realizava uma festa, com a presença de diversas pessoas nas imediações.

Processo: 2016.02.1.000046-0
Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós