Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

Distrito Federal vai ganhar 15 novas creches, com verba de 40 milhões de reais de emendas individuais do deputado Izalci Lucas

17/12/2016

/ por Paulo Melo
O Distrito Federal ganhará 15 novas creches a partir do ano que vem com recursos provenientes do Ministério da Educação. A verba, de 40 milhões de reais, é de emendas individuais do deputado Izalci Lucas (PSDB-DF) ao Orçamento da União e do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC)

Nove regiões administrativas serão beneficiadas e cada creche terá um custo médio de 3,8 milhões de reais. 

Coordenador da bancada local no Congresso, Izalci conseguiu do Ministro da Educação, Mendonça Filho, a garantia de liberação desse montante, dependendo apenas da apresentação dos projetos por parte do Governo local.

As emendas de Izalci totalizam 22,5 milhões de reais e o valor do PAC girará em torno de 28 milhões de reais. “O Ministro da Educação foi sensível às nossas colocações de que Brasília tem um grande déficit de creches e que por isso destinei boa parte de minhas emendas para a construção de novas unidades”, destacou izalci. 

Presidente da Comissão Mista que analisou a Medida Provisória de reforma do Ensino Médio, aprovada esta semana no Congresso, Izalci acabou estreitando ainda mais os laços com o ministro Mendonça Filho. “O ministro e eu temos consciência de que a educação começa pela infância, então, ao mesmo tempo em que trabalhamos pela reforma do ensino médio, estamos atentos à questão das creches, tão fundamentais especialmente para crianças de famílias mais necessitadas”, destacou o deputado, que é o presidente regional do PSDB no DF.


Nas discussões que o deputado teve com técnicos e secretários do GDF, ficou definido que serão três creches em Ceilândia, duas em Taguatinga, Santa Maria, Gama e Recanto das Emas; e uma em Planaltina, Samambaia, Guará e Vila Telebrasília. “Deixei claro nas reuniões no Ministério da Educação que todas as cidades do DF têm necessidade de creches públicas e no ano que vem vamos trabalhar para conseguir mais recursos para que outras cidades também sejam contempladas com novas unidades”, destacou Izalci.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós