Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

Governador faz balanço do mandato para DF em Movimento

Durante encontro com o grupo na noite desta terça (12), Rollemberg prestou contas do primeiro ano de gestão e ouviu reivindicações

Na noite desta terça-feira (12), o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, apresentou ao grupo DF em Movimento realizações do primeiro ano de gestão. Em clima de debate e prestação de contas, o encontro ocorreu no auditório do Conselho Regional de Corretores de Imóveis, no Edifício Boulevard Center, no Setor de Diversões Sul (mais conhecido como Conic).

O chefe do Executivo destacou que a capital estava com débitos acumulados quando assumiu o cargo. "Pegamos Brasília com um rombo de R$ 6,5 bilhões, com dívida do governo anterior e com o déficit do orçamento de 2015." Por isso, ressaltou Rollemberg, medidas necessárias foram tomadas "para arrumar a casa", como a redução de 38 secretarias de Estado para 17 e o corte de aproximadamente cinco mil cargos comissionados.

A crise financeira não impediu, no entanto, melhorias em outras áreas como na segurança pública do Distrito Federal, citou o governador. As taxas de homicídio, por exemplo, foram as menores dos últimos 22 anos, conforme divulgado hoje.

Reivindicações
Na ocasião, os participantes apresentaram críticas e sugestões. Entre as reivindicações estavam investimentos em rádios e TVs comunitárias e ampliação do horário do metrô aos sábados — das 23h30 para as 3 horas — e aos domingos — das 19 horas para as 22 horas.

Para o líder do movimento, Everardo de Aguiar Lopes, as mídias comunitárias proporcionam mais informação e transparência à população. Segundo ele, a extensão dos horários de transportes públicos insere os brasilienses em atividades culturais noturnas. "Os cidadãos podem ir ao teatro e ao cinema mais tarde, e isso estimula a cultura pela mobilidade urbana."

Além de Lopes, cinco pessoas se manifestaram no evento: a prefeita do Conic, Flávia Portela, os representantes do projeto cultural Mover Ments, de Ceilândia, Sidney Sampaio, e do grupo Fora do Eixo, Ney Hugo, o membro da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil Fábio Bittencourt e a representante da Fábrica Social, Cláudia Magda.

O DF em Movimento é um grupo apartidário voltado para manifestações culturais no Distrito Federal. A rede promove debates com políticos e líderes sociais com o objetivo de auxiliar a traçar metas e a propor diálogo direto com a sociedade.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós