Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

Professores votam a favor da suspensão da greve

Docentes estão reunidos em assembleia, em frente ao Palácio do Buriti. Os servidores devem decidir os rumos da greve ainda nesta manhã



Após 29 dias em greve, a maioria dos professores votaram pela suspensão imediata da paralisação, na manhã desta quinta (12). A medida foi proposta pelo Sindicato dos Professores do Distrito Federal (Sinpro/DF), que orientou a retomada da reivindicação a partir da primeira semana do próximo ano letivo.

Cerca de dois mil docentes estão concentrados em frente ao Palácio do Buriti.

O Governador Rodrigo Rollemberg se comprometeu a não cortar o ponto dos grevistas. A Ordem dos Advogados (OAB/DF), a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e os deputados, em conjunto com o Sinpro, devem negociar a dívida da multa pela greve junto ao governo. O valor cobrado é de R$ 400 mil por dia de paralisação.

O Sindicado diz que não houve avanço nas questões financeiras. No entanto, acredita que encerrar a greve é uma questão de estratégia, tendo em vista que a entidade já conseguiu avançar nos itens administrativos e pedagógicos.

Apesar de toda a movimentação, o trânsito no local flui e não há confrontos com a Polícia Militar.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós