Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

TURISMO: Torre de TV Digital está aberta para visitação nos fins de semana e feriados

Espaço foi reinaugurado nesta segunda-feira (12) e contou com evento itinerante de música, gastronomia e exposições

Foto: Aline Dias.

Os moradores de Brasília e os turistas que visitam a capital federal têm mais um ponto turístico na cidade. A partir de sábado (17), o mirante de 110 metros de altura da Torre de TV Digital ficará aberto todos os fins de semana e feriados. De acordo com a Secretaria de Turismo, o horário de visitação será divulgado ainda nesta semana. A torre fica no Setor Taquari, parte da região administrativa do Lago Norte.

Para marcar a reabertura, o local sediou, nesta segunda-feira (12), uma edição do Picnik — evento itinerante com gastronomia, música e exposição e venda de produtos locais. Houve ainda oficinas de artesanato e brinquedos, como pula-pula e minicampo de futebol.

A pasta estima que, até o fim da tarde, mais de 5 mil pessoas participaram do evento, iniciado às 13 horas e previsto para terminar às 22 horas. O número foi calculado pela quantidade de viagens nos três elevadores que levavam até o 13º andar, onde cada pessoa podia ficar por até três minutos. A professora de educação física Daniela Carvalho, de 22 anos, estava acompanhada da mãe, da avó, do tio e do noivo. "Moro no Guará e costumo visitar os pontos turísticos. Achei lindo ver Brasília daqui de cima", contou.

Para o secretário de Turismo, Jaime Recena, esse é mais um monumento com a assinatura do arquiteto Oscar Niemeyer que embeleza Brasília. "A torre é um monumento que pode ser visto de quase todos os pontos da cidade; isso acaba despertando o interesse da população", enfatizou.

Reformas
Inaugurada em 2012, a Torre de TV Digital estava fechada há dois anos por problemas de infraestrutura e de falta de acessibilidade. Após passar por reformas, o mirante recebeu vistoria da Defesa Civil e foi liberado para visitação. A liberação das cúpulas da torre ocorrerá em um segundo momento.

Os ajustes foram feitos pelo consórcio construtor da obra, o que não gerou custo para a Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), responsável pelo terreno.


Fonte: Redação.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós