Últimas

%23BrasíliadeTodosNós

ARTIGO: A Sustentabilidade nos condomínios


*Ao pensar na palavra sustentabilidade, automaticamente pensamos em um planeta mais limpo, com mais recursos naturais e menos escassez. Mas afinal, qual o verdadeiro significado e por que nos últimos tempos temos falado tanto deste assunto? O principal sentido acerca desse tema, é que o uso dos recursos naturais para a satisfação de necessidades presentes não comprometam a satisfação das necessidades das gerações futuras, em resumo, criar recursos que integrem as questões sociais, energéticas, econômicas e ambientais, com a finalidade de preservação do meio ambiente. Para que um empreendimento seja considerado sustentável, ele deve ser ecologicamente correto, economicamente viável, socialmente justo e culturalmente adverso.

Atualmente, os condomínios tem adotado algumas medidas sustentáveis. A parceria com Engenheiros e Paisagistas, tem proporcionado a criação de jardins e áreas de lazer com opções ecologicamente corretas, proporcionando um espaço que além de bonito e prazeroso, contribui para o planeta. Em primeiro lugar, é necessário realizar uma análise para determinar se o condomínio já possui algo sustentável e o que pode ser feito para minimizar custos e melhorar a qualidade nos ambientes. A sustentabilidade tem se tornado uma tendência cada vez mais forte em condomínios e é necessário utilizar materiais que desempenhem a função ecológica, como, por exemplo, o pneu triturado, utilizado para decoração de jardins e para fazer pisos anti-impacto, muito utilizado também para a prática de esportes. 

Algumas medidas simples vem sido tomadas minimizando o desperdício da água, como o reaproveitamento da água das chuvas, reaproveitamento das aguas cinzas e negras. A necessidade varia de acordo com o condomínio, mas é importante que todos os síndicos estejam cientes da importância da sustentabilidade. Um condomínio sustentável, além de contribuir para a natureza, reduz custos, devido à otimização de energia e o melhor aproveitamento da água, melhoria na qualidade do ar, tornando a saúde dos moradores melhor além de conscientizar as pessoas para a conservação dos recursos naturais.

A implantação dessas ações de sustentabilidade deve conscientizar a todos e mostrar que podemos, com atitudes simples, tornar um condomínio ecologicamente correto. O dever do síndico é mostrar principalmente aos moradores a importância de tais atitudes, visando, a redução de custos com alternativas mais sustentáveis. Realizando um trabalho de conscientização, mudando atitudes e conceitos, podemos atingir muitas pessoas, mudando hábitos e resolvendo alguns dos problemas ambientais. Não atingiremos em uma escala global, mas aos poucos atingiremos o desenvolvimento sustentável de que tanto o nosso planeta precisa para continuar a existir.

Vamos começar um pequeno processo simples e barato. A implantação de uma horta e um pomar em cada condomínio, associado ao jardim.

Mostrando à nossas crianças como cuidar da terra, como plantar e cuidar das plantas.

Atitudes simples ajudam para um futuro melhor.

Perguntas, sugestões diretamente no e-mail: alvaroaguiar.paisagista@gmail.com ou no portal.

*Engenheiro Agrônomo e Paisagista Álvaro José de Aguiar Oliveira, graduado em 1987. Ex-proprietário da empresa Agroplan projetos agrícolas, fechada em 1992. Pós-graduado em Paisagismo na Universidade Federal de Lavras. Ex-chefe de gabinete da Secretaria de Agricultura. Implantei o sistema de defesa agropecuário e agrotóxico no DF pela Secretaria de Agricultura, especialista em doenças de gramado e campos esportivos, larga experiência em horti-fruti, analista ambiental, perito, consultor, professor universitário pela UPIS no curso da Agronomia, consultor do SEBRAE, Conselheiro do CREA – DF, Diretor Administrativo do CREA-DF e proprietário da NATVIVA Serviços de Jardinagem. Empresa que presta serviços em projetos paisagísticos, consultorias, manutenções de jardim e ajardinamentos, campos esportivos e irrigação.Tel.: 9987-9366 / 9557-2050.

Fonte: Redação.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não Perca
© direitos reservados
feito com por Brasília de Todos Nós